16

out

2018
controle-financeiro-em-franquia

10 dicas infalíveis para controle financeiro de franquia

A base do sucesso de qualquer empresa é a sua saúde financeira. Por isso é tão importante se planejar antes de abrir o próprio negócio, inclusive uma franquia. Se você tem R$ 300 mil reais disponíveis, não deve abrir uma franquia cujo investimento inicial é esse.

Afinal, você deve estar preparado para outros investimentos inevitáveis, como taxa de franquia, obras e capital de giro, por exemplo. Lembrando que, em geral, os dois primeiros anos são marcados por esforço demasiado para que, a partir de então, o lucro enfim, chegue.

Quando o negócio entra nos trilhos e começa a gerar renda, é necessário manter um controle financeiro ainda mais criterioso, até mesmo para que o retorno do seu investimento seja aplicado sempre da melhor maneira.

1) Faça um planejamento financeiro

Planejamento é, mesmo, a chave do sucesso, e a primeira coisa a se fazer antes de inaugurar a sua franquia é o planejamento financeiro. Tenha-o sempre em mente e registrado, pois você precisará atualizá-lo frequentemente.

  • Registre e acompanhe regularmente as operações financeiras;
  • Conte com a ajuda de um contador, mesmo que você já seja um empreendedor experiente;
  • Nunca misture as contas pessoais com as contas da empresa;
  • Controle os custos e corte os gastos supérfluos;
  • Pague as contas em dia.

2) Organize seu fluxo de caixa

Um fluxo de caixa organizado é indispensável para a saúde financeira da sua franquia, portanto:

  1. Determine um período para o seu fluxo de caixa. Se possível, controle semanalmente;
  2. Identifique facilmente receitas e despesas;
  3. Separe as receitas/despesas fixas e periódicas. Assim, fazer previsões de pagamentos ou recebimentos ficará mais fácil;
  4. Registre as contas a pagar e a receber;
  5. Organize comprovantes e documentações financeiras;
  6. Crie o máximo de categorias para classificar suas receitas e despesas;
  7. Crie centros de custos para agrupar seus investimentos e despesas. Assim, você saberá onde você está gastando e investindo mais o seu dinheiro.

3) Considere o uso de uma planilha de controle financeiro ou um software

As planilhas em Excel ainda são muito utilizadas pelos empresários, para planejamento financeiro. Crie uma planilha para esse intuito ou invista em um software de gestão empresarial, logo no início do funcionamento da sua franquia.

Existem softwares que otimizam os processos, permitindo ganho de tempo e redução de possíveis erros de cálculo. Alguns ajudam a controlar seu fluxo de caixa, analisar e monitorar suas contas a pagar e a receber, realizar conciliações bancárias, emissão de notas fiscais, controle de estoque, dentre outras transações.

4) Peça ajuda sempre que necessário

Ninguém é perfeito. É impossível para um empresário dominar perfeitamente o universo de administração e finanças, por mais que seja capacitado e experiente. É normal existirem dúvidas, principalmente no início do negócio.

Portanto, conte a ajuda da franqueadora e compartilhe a evolução da sua franquia, estando aberto a sugestões e melhorias.

5) Terceirize o serviço

Muitas vezes, é melhor focar naquilo que realmente sabemos fazer e aprender a delegar. Se você tem dificuldades em lidar com o balanço financeiro da sua empresa, utilizar boa parte do seu tempo tentando aprender sobre isso em vez de lidar com outros processos nos quais tem maior conhecimento, pode se tornar um problema.

Portanto, você pode contratar um escritório de contabilidade ou mesmo um consultor financeiro para fazer todo o balanço da empresa e identificar possíveis falhas. O olhar de um especialista é sempre bem-vindo.

6) Organize a documentação

Muita gente detesta a parte burocrática de cuidar de um empreendimento, mas ela é necessária. Afinal de contas, como você pode comprovar o pagamento de uma conta se não guarda os documentos para isso?

E não estamos falando apenas em guardar, mas também em organizar. Você pode determinar arquivos para as contas dos funcionários, outra para os custos variáveis do estabelecimento como conta de água e luz, entre outras. Essa organização é essencial para a contabilidade e também para o caso da fiscalização do trabalho aparecer na sua franquia.

7) Faça previsões

Mesmo não tem o dom de ver o futuro, você pode fazer algumas previsões sobre os possíveis gastos e lucros da sua franquia com base em informações passadas. Por exemplo, você pode calcular a receita média para estimar o faturamento e projetar o tempo necessário para alcançar o retorno do investimento.

Basta somar os resultados dos últimos 12 meses e dividir por 12. Dessa forma, fica mais fácil de se organizar. É como ter um valor fixo para realizar seus gastos de forma mais segura.

8) Evite pedir empréstimos

Pedir empréstimo pode se tornar um grande problema. Os juros do mercado brasileiro estão entre os mais elevados e você acaba pagando muito mais do que realmente pediu. Por isso, todo mundo corre de empréstimos e você também deve fazer o mesmo.

Mas, não podemos ser radicais. Se você está passando por uma dificuldade financeira e já recorreu a outras fontes sem sucesso, então pedir empréstimo pode ser a única saída para recuperar a saúde financeira do seu negócio.

9) Tenha metas financeiras

Como saber para onde ir se não se sabe aonde quer chegar? É por isso que precisamos traçar metas para o nosso negócio. Você quer crescer quanto e em quanto tempo? Qual a porcentagem de lucro que pretende alcançar no próximo ano?

Aprenda a criar metas de curto, médio e longo prazo. Só assim é possível controlar melhor as finanças da sua franquia e saber, exatamente, por qual caminho está indo.

10) Organize as diferentes fontes de pagamento

Atualmente, o mercado consegue oferecer as mais diversas formas de pagamento. O cliente pode pagar pelo seu serviço no cartão de crédito, de débito, à vista ou até por transferência bancária.

Você precisa analisar e conciliar todas essas fontes para que não esqueça nenhum pagamento feito e as contas possam ser quitadas em dia.

Na Depyl Action, os franqueados recebem um treinamento inicial para administração do negócio e podem contar com o frequente apoio da franqueadora, que fornece dicas, sugestões e informações importantes para o crescimento da franquia.

Se você deseja traçar um novo planejamento estratégico a fim de alcançar maior faturamento e melhores resultados para a sua franquia, confira este artigo que separamos para você sobre planejamento estratégico de franquia!

Você também pode gostar de:
Conheça a rede especializada em depilação que irá mudar sua experiência com a remoção de pelos.
"Desde o cuidado com a higiene e segurança, até o nosso método exclusivo (desenvolvido especialmente para ser mais suave e delicado), nossa única preocupação na Depyl Action é proporcionar aos nossos clientes a melhor experiência de depilação do mercado.

Este é o nosso compromisso com você."


Danyelle Van Straten,
Diretora da Depyl Action