Tudo que você precisa saber para abrir sua própria franquia
POSTADO EM Franquias

Você sempre sonhou em ter seu próprio negócio? Então já deve saber que as franquias estão com tudo! Elas são uma ótima opção de investimento, principalmente em um cenário econômico desfavorável, como o que o país está passando atualmente. Graças à sua versatilidade, que gera mais independência dos outros setores, criando mais segurança econômica.

Por isso, selecionamos para você tudo sobre o investimento inicial necessário para abrir sua franquia. Atente-se para essas valiosas informações que lhe ajudarão no passo a passo para o sucesso

Taxa de franquia

Guarde este nome. Seu novo negócio vai começar com essa taxa, que geralmente  é acertada já no momento da assinatura do pré-contrato. Esse pagamento, que é feito pelo franqueado à franqueadora, é essencial para que você possa receber todo o know how da empresa e ter o direito de utilizar a marca em serviços, produtos e campanhas, além de poder fazer parte do grupo que administra as unidades franqueadas.

Essa taxa é bem relativa e pode variar de acordo com o padrão da franquia de cada marca. Geralmente alguns dos aspectos já acertados nesta fase inicial são:

  • Formas de utilização da marca em campanhas publicitárias;
  • Campanhas específicas de divulgação da franquia;
  • Uniformes e padronização da equipe;
  • Padronização da loja.

Obras, equipamentos e acessórios

Há negociações em que essas obras ficam por conta do franqueado e acontecem após a concretização do contrato, o que dá mais liberdade ao novo empreendedor para seguir as reformas de acordo com sua própria logística, com a utilização de materiais de construção e mão de obra de sua preferência.

Já os equipamentos e acessórios necessários para operação dos serviços já estão previstos no investimento inicial. O franqueador disponibiliza todo o material padrão, que fica acertado no primeiro ato do acordo. O mesmo acontece também com o estoque inicial de matéria-prima.

Abertura da empresa

Para concretizar definitivamente a abertura da sua franquia, restam alguns aspectos iniciais, que são resolvidos com certa facilidade.

  • Marketing de inauguração: é imprescindível no seu investimento inicial, e geralmente é orientado pelo próprio franqueador;

  • Software de gestão: é importante para que o novo franqueado utilize as ferramentas homologadas da rede, para seguir as rotinas administrativas que serão passadas durante o treinamento;

  • Capital de giro: qualquer empresa, independentemente de ser franquia, necessita de uma capital inicial para manutenção dos primeiros meses até que o negócio alcance o ponto de equilíbrio.  

Independentemente de qual seja o modelo de negócio do franqueador, certamente ele oferecerá o apoio necessário para a implantação da infraestrutura da sua unidade. Além disso, nesse quesito, entra também o treinamento para você desenvolver com mais assertividade o seu investimento.

Todas as táticas e conhecimentos serão repassadas pelo franqueador ao franqueado, que à frente da nova unidade replicará todos os processos, além dos padrões de qualidade dos serviços e produtos oferecidos.


Todos esses aspectos são fundamentais para dar início ao seu investimento, resta escolher o negócio que mais combina com você e, para isso, já existem dicas de como escolher uma franquia para abrir aqui no blog. Agora que você já sabe o que vai precisar para abrir o seu próprio empreendimento, tire suas outras dúvidas com um especialista (call-to-action landing page).

A Depyl Action é uma das redes de franquias mais consolidadas do Brasil, e certamente pode te ajudar a garantir o seu espaço nesse mercado que não para de crescer. 😉

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...